sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

ABAFANDO NO CORAÇÃO



Às vezes a alma impede o coração de dizer o que sentimos e desabafar como gostaríamos. Então, sem perceber, sofremos guardando o que deveria fluir com toda intensidade.

9 comentários:

Agulheta disse...

Olá amigo. Os sentimentos tem destas coisas,por vezes ficamos sem saber dizer o que o coração sente.Beijinho de amizade e bfs

Um santo Natal com solidariadade e amizade e saúde e amor para os que não os tem
Lisa

paula barros disse...

Esse abafar é que nos faz sofrer, nos deprimir, adoecer...e as vezes até nos afastar de quem gostamos.

Muito bom ler e refletir sobre esse assunto.

abraços

(gosto muito dos seus comentários, obrigada)

Isa disse...

É verdade! Meu Amigo,quantas vezes
isso acontece!
As melhoras da sua esposa.
Santo NATAL.
Beijo.
isa.

Serena Flor disse...

Antes eu abafava, mas agora eu parei com isto.
Não guardo mais nada...e te confesso que é muito melhor desta forma.
Um grande beijo meu amigo e um ótimo fim de semana.

Adrisol disse...

tienes razón gilbamar!!!

a veces cuesta decir lo que sentimos.......es hora de soltar todo lo que hay adentro!!!!!!!!

UN ENORME ABRAZO, QUERIDO AMIGO!!!!!!!!!!!

Menina do Rio disse...

A força do pensamento

A minha sugestão para estes tempos é:
Vamos doar-nos mais e diminuir o individualismo!
Que tal, um pouco mais de atenção aos filhos, aos
companheiros(as), aos almoços de domingo, menos
eu e mais "nós"?
Prega-se tanto amor, mas cada um só vê o seu
desamor; todos correndo numa busca louca de ter,
que acabamos por esquecer-nos de "ser".
Já viram um Maracanã lotado em dia de clássico?
Existe no futebol o chamado "inconsciente coletivo"
Esse "inconsciente" é capaz de virar um jogo!
Então imaginem 10 mil Maracanãs cheios! E o inconsciente
coletivo dessa torcida toda; uns pelos outros!
Não só em tempos natalinos, mas em todos os dias
de nossas vidas! Se é verdade que a FÉ move montanhas,
então imaginem do que somos capazes se direcionarmos
nosso "inconsciente coletivo" uns aos outros; se
"crermos" e agirmos conforme essa crença.
Podemos fazer a diferença...

Esses são os meus votos de Natal!
beijinhos
(Verô)


"Nenhum homem é uma ilha, isolado em si mesmo;
todos são parte do continente." (John Donne)

Natacha disse...

Nunca deberíamos frenar al corazón. Es el que más sabe y no escucharle es no escucharnos a nosotros mismos.
Un beso y que 2009 te traiga cosas hermosas.
Natacha.

Eliana disse...

Bom Dia, Gilbamar

É isto mesmo, meu amigo. Que todos os seres aprendam a manifestar seus verdadeiros sentimentos, sem medo e sem vergonha, pois Amar é e sempre será a maior dádiva divina.

Uma vez eu disse para um amigo, que não me importaria de ser a pessoa mais ridícula deste mundo, desde que fosse por amor.

Acho que tem uma letra de música que usa estes termos para o amor: "sentir-se ridículo".

Sejamos ridículos, mas não deixemos, nunca, de amar.

Um Feliz Natal com muito amor no coração.

Fiquem com Deus,
beijos,

ツ●♥♪ LUNATICA ツ●♥♪ disse...

Son en realidad intentos de ocultar sentimientos negativos sobre si mismo, preferible ignorar para no perder la razón del corazón...BENDICIONES DEL TODO PODEROSO