quinta-feira, 4 de março de 2010

NÃO ABRO MÃO DE SER FELIZ

Não desejo que sejas feliz com outro,
mas comigo; qual amor não é egoísta,
quem abdica em paz do seu tesouro?
Somente amor materno é altruísta

Tem graça seu amor noutros braços?
Ser platônico certamente não me apraz
Completa-me a maciez do teu regaço
fique longe de ti qualquer outro rapaz

Mas se queres alçar alhures mares
que te vás, meu coração tudo suporta
não morrerei melancólico se navegares
a outros amores abrirei a minha porta

Tolo quem numa quimera se aprisiona
enquanto a amada dorme noutra cama
ele só, triste, mas ela feliz se relaciona
ele apagado, ela mantendo aces'a chama

Amor é complemento humano, não tristeza
quem o tem o quer pra si, é indivisível
sorrir porque ela ama outro, nada beleza
amar é ficar juntinho sempre, é iniludível

Gilbamar de Oliveira Bezerra

7 comentários:

Lara Amaral disse...

É, amor incondicional, só de mãe mesmo, né?

Que lindo texto, Gilbamar. Vê-se que saiu do âmago, como o meu, hehe.

Gostei muito!

Abraços.

Gabiprog disse...

Cielo y paraiso. El amor, sentimiento que cuando se comparte no puede igualarse.

Un abrazo.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Parabéns pelo poema,amigo.Belo. Gostei. Amor altruísta é só mesmo o materno. A gente quer é tudo mesmo. Um abraço

Anne Lieri disse...

Gil,muito linda sua poesia!Quando amamos queremos mesmo aquela pessoa só para nós!Que graça tem amar sem ser amado?Sempre belos textos!Visite meu novo blog:http://nasasasdosversos.blogspot.com
Abraços,

Lourdes Sabioni disse...

Gil : Fale para a Ana que depois que ela mudou o layout do blog dela não consigo mais comentar...Por favor repasse meu recado. Obrigada!

Querida amiga:

Desculpe-me por responde-la só agora...
Estou num momento delicado e precisei me afastar do blog. ...
Reforma em casa, mãe adoentada, mudanças radicais no ambiente de trabalho...nada desesperador mas que complica a dedicaçao ao blog...
Que pena, não recebi sua lembrancinha..., mas deveria ter retornado a voce, estes correios são terríveis!
Graças à Deus está tudo bem mas não sei quando poderei retornar ao blog, nem mesmo sei se retornarei...Meu irmão trabalha com informática e insiste que devo fazer um site, assim as atualizações podem apenas mensais e me deixariam mais livre...não sei, ainda estou pensando...
De qualquer forma, pessoas como voce eu não esquecerei de jeito nenhum e é por isso que estão na minha caixa de contatos.
Desejo uma linda Páscoa e muitas viagens maravilhosas pra voce e pode ter certeza que estarei sempre de olho no seu blog, desculpe-me se acaso não comentar!
Beijos e fique sempre abençoada por Deus.

Hermínia Nadais disse...

Lindo! Muito lindo! Já tinha muitas saudades deste sítio! Sejam felizes!

Ana Martins disse...

Lindo, amor não se divide mesmo!!!!

Beijinhos,
Ana Martins