sábado, 12 de março de 2011

TEU SORRISO FELIZ

Teus olhos são duas brasas
queimando meu coração,
tuas mãos são como asas
fugindo da solidão

Esvoaça teu cabelo 
ao leve toque do vento,
em mim se quebra o gelo
no fogo do pensamento

Gargalhada agonia
que tanta tristeza causou
sem saber você sorria
zombando do meu amor

Estavas linda sorrindo,
mas eu, entregue à tristeza,
continuava fingindo
vivendo na incerteza

Triste, ali ao teu lado,
eu bem quisera explodir
por tudo tão desolado,
mas tu toda feliz a sorrir

Todos ali sorriam,
era alegria geral,
mas meus olhos mentiam
só lembravam um funeral

Um comentário:

Isa disse...

Não queria deixar passar este Dia
da Poesia sem lhe enviar um abraço mt Amigo!
A si,ao Poeta e Escritor!
Beijo à Ana.
Abraço.
isa.